Buscar
  • Clínica de Olhos Teixeira Pinto

A melhor idade e os olhos



À medida que ficamos mais velhos, alguns órgãos podem ficar mais sensíveis e os olhos não ficam de fora, é neste momento em que os olhos envelhecem que precisamos ter ainda mais cuidado com eles.​

Com o aumento da expectativa de vida, algumas doenças se tornaram mais frequentes.


Presbiopia

Também conhecida como vista cansada, ou popularmente como “doença do braço curto” é uma condição que ocorre em todas as pessoas perto dos 40 anos.

É uma baixa acuidade visual relacionada aos objetos próximos, principalmente quando não há disponibilidade de boa fonte de luz. As letras da tela do celular podem ficar borrada, trazendo dificuldade para ler mensagens por exemplo, melhorando quando se afasta o texto dos olhos.

Além dessa dificuldade de visão, a condição pode provocar dores de cabeça e fadiga. A correção da presbiopia pode ser alcançada por meio da utilização de óculos ou lentes de contato.


Glaucoma

O glaucoma é uma doença que ocorre pela elevação da pressão nos olhos. Esse aumento da pressão pode lesionar o nervo óptico e consequentemente levar à perda da visão periférica, e até mesmo a perda total da visão no olho atingido se não houver acompanhamento e tratamento adequado.

É uma doença silenciosa e por essa razão, é preciso tratar o glaucoma logo no início podendo assim evitar o dano do nervo e a consequente cegueira irreversível.


Catarata

A catarata é a principal causa de cegueira reversível em todo o mundo. Embora seja mais comum próximo aos 60 anos, ela ocorre de modo natural e pode aparecer em pessoas de qualquer idade.

A catarata consiste na perda progressiva da transparência do cristalino, que é uma lente localizada atrás da íris e que fica opaco com o tempo. Com isso, a nitidez das imagens é reduzida progressivamente conforme a doença avança. O tratamento da catarata é cirúrgico.


Degeneração Macular

A degeneração macular relacionada à idade (DMRI), é a principal causa de perda da visão após os 50 anos de idade. Trata-se da destruição dos fotorreceptores da mácula, uma estrutura localizada na parte central da retina.

Inicia-se com uma perda da visão central, com a percepção de manchas ou borrões. Além disso, pode-se começar a ver deformidades nas coisas. No entanto, não há perda da visão periférica.

A DMRI geralmente acometer os dois olhos, e essa doença necessita de acompanhamento periódico.


Buraco Macular

Doença que atinge a mácula que é responsável por causar diminuição da acuidade visual e comprometimento do campo central da visão, pode ocorrer com sintomas comuns como visão dupla, dificuldade de ler e distorção da imagem de objetos.

A causa pode estar relacionada a fatores como traumas oculares, alta miopia e exposição ao sol. O tratamento é cirúrgico.


Moscas Volantes

Como o próprio nome diz, refere-se por enxergar pontos escuros que se movem na frente de um ou dos dois olhos semelhante a moscas, e são causadas pelo processo natural de deslocamento do vítreo.

É mais comum em pacientes, que tenham um histórico de miopia ou tenham passado por tratamento ou cirurgia ocular, bem como entre aqueles pacientes que tenham tido algum tipo de inflamação ou trauma nos olhos.

É necessário o acompanhamento adequado devido a gravidade do quadro, pois alguns poucos casos pode estar associada há risco de rasgaduras na retina e descolamento de retina.


Visite seu Oftalmologista regularmente. O melhor tratamento é a prevenção.


A Clínica de Olhos Teixeira Pinto conta com renomado corpo clínico apto a auxiliá-lo no tratamento e acompanhamento das mais variadas doenças oculares. Estamos a disposição para ajudá-lo se necessário.


“Seus olhos não estão em quarentena, não perca seu médico de vista”

137 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo